16/01/2012

O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa


     O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa
C.S.Lewis
Editora Martin Fontes
87 páginas (Volume único)

   Pedro, Edmundo, Susana e Lúcia Pevensie são quatro irmãos que, fugindo da Segunda Guerra Mundial, deixam Londres e vão morar na mansão de um velho professor. Em uma de suas brincadeiras de esconde-esconde encontram dentro de um guarda-roupa a passagem para o mundo de Nárnia. Chegando lá, descobrem que a Feiticeira Branca decretou um inverno sem fim e que transforma em estátuas de pedra a todos que se rebelem contra ela. As crianças ganham armas mágicas de um personagem que aparece somente no Natal e, auxiliados por alguns animais falantes e pelo próprio Aslam, organizam um exército para combater a feiticeira e assim cumprir a profecia que prediz que quatro crianças libertariam Nárnia e reinariam no castelo de Cair Paravel.

   Eu sou suspeito para falar sobre esse livro. É um dos meus favoritos dos sete que C.S.Lewis escreveu para a série, ele me traz uma nostalgia incrível. A história que foi escrita em 1950 é bem original, algo que nunca acharemos igual. É de uma leitura rápida e fácil, já que o livro não é tão grande e tem capítulos pequenos (o que te faz virar as páginas correndo pela continuação). Eu o  li em 3 dias e acho que o que me faz gostar tanto desse livro foi a adaptação que foi feita para filme e foi quando descobri as histórias de C.S.Lewis, por isso "O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa" tem um valor sentimental para mim.

   Sobre a adaptação cinematográfica (assisti logo após de terminar o livro), posso dizer que é bem fiel ao que o autor escreveu, e é claro, há algumas cenas que não estão no livro, mas que se encaixam perfeitamente na história. É melhor acrescentar do que tirar. É realmente engraçado como você assiste ao filme e pode explicar cada detalhe, pois coisas que acontecem no mesmo e não têm tanta importância, são comentadas no livro. Algumas cenas têm relação com o primeiro livro da série, por isso aqueles que já leram se tornarão verdadeiros comentáristas ao assistirem ao filme.

    De maneira geral, é um livro ótimo, até diria um clássico. Uma história que mesmo depois de 50 anos ainda é popular entre nós e, espero, que possa se tornar conhecida por muitos e muitos anos. Repleto de aventura, comédia, emoção e de um intenso significado para alguns, "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa" está recomendado para você que ainda não leu.

8 comentários:

Jonas N. disse...

aaah eu amo esse livro! Amo mesmo, está entre um dos meus preferidos e decididamente o melhor entre todos das Cronicas de Nárnia! Concordo com tudo o que você disse.

Stealing Books • Roubando Livros
roubando-livros.blogspot.com

RIOT disse...

Também acho o melhor, apesar de gostar de todos, fico meio indeciso.

Carolina disse...

Acho que não existe um livro pertencente às Crônicas de Nárnia que eu não ame.
Os Pevensie são carismáticos e apaixonantes, principalmente a Lucy *-*
O filme também é muito bom e o melhor dos três, na minha opinião. Sempre que o vejo, tenho vontade de ler o livro de novo.
Parabéns pela resenha!

RIOT disse...

Todos amamos Nárnia. É tão único.
Realmente a adaptação desse livro foi o melhor dos três, teve mais aquela "magia" de nárnia.
Obrigado pelos comentários.

Equipe TriBooks disse...

Sou suspeitíssima ao falar sobre "As Crônicas de Nárnia" porque adoro todos os livros. Queria muito que "O Sobrinho do Mago" que é o primeiro livro fosse adaptado ao cinema.

Beijos,

Paula

http://tribooks.blogspot.com

@Tri_Books

Celle Espindola disse...

Eu preciso muito ler esse livro, fato. Eu fico enrolando para comprar eler. E eu sou fã dos filmes!

Beijos

RIOT disse...

Se você é fã dos livros com toda certeza vai amar o livro. Não decepciona.

RIOT disse...

Também acho que o Sobrinho do Mago daria um ótimo filme. É um livro tão pequeno e rápido que se fosse durar 2 horas seria um filme muito fiel ao livro. Vamos esperar, quem sabe não é?!

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team