18/02/2012

Apocalipse Z: O Princípio do Fim - Manel Loureiro


Apocalipse Z: O Príncipio do Fim
Manel Loureiro
Editora Planeta
368 páginas

   O que você faria se um belo dia, ao acordar, descobrisse que a humanidade está caindo aos pedaços? Em um belo dia, um advogado começa a perceber notícias de acontecimentos gravíssimos por toda a Europa e começa a analisar e registrar tudo em seu blog. Mas o que ele pensava ser uma doença que se alastrava por todo o país, era na verdade um pesadelo. Mortos-vivos andavam pelas ruas procurando pelo que seriam suas próximas vítimas. Assustado e sem nenhuma ajuda, ele decide sair de sua pequena casa em busca de sobreviventes e de algum lugar que pudesse se refugiar. Em sua jornada, nada será fácil, mas ele continuará firme em seu objetivo.

   Eu ganhei esse livro de aniversário e não sabia nada dele. Não era um livro que eu já tivesse visto em algum site ou blog, mas depois de ler sua sinopse eu percebi que seria uma leitura divertida. Eu nunca havia lido nada sobre zumbis ou terror, e posso dizer que estou apaixonado por esse tipo de literatura, é assustador e de tirar o fôlego.

    No começo do livro, confesso, fiquei meio: "Epa, cadê os zumbis?". Mas como todo bom livro e filme, sempre tem aquela apresentação no começo que nos deixa ansioso pela parte em que a ação irá começar. Logo que os primeiros seres aparecem o livro começa a ficar com um ritmo incrível, impossível de largar até chegar a última página.  

   O livro é narrado pelo jovem advogado e aparece em forma de blog e depois diário, fazendo-nos pensar que tudo aquilo que aconteceu foi real. O autor, Manel Loureiro, entrou na minha lista de favoritos, sua escrita é tão profunda que em certas partes me envolvia tanto que chegava a imaginar como suportaria tudo aquilo se estivesse na pele do personagem.

    É impossível transcrever o quanto me surpreendi com esse livro. Não é aquele livro que você vira a página sabendo o que vai acontecer, a cada página é uma surpresa. Os personagens que vão aparecendo no decorrer da história vão ganhando nosso respeito. O que dizer do jovem ucraniano Prit, tão corajoso e sofredor. E quando ninguém mais pudesse aparecer, somos apresentados a Lucía e a irmã Cecilia, que têm seu passado revelado nas páginas finais.

    O que dizer do final? Eu já andei procurando e descobri que há continuação e vocês não imaginam o quanto eu preciso de ler o próximo. Esse livro não é daqueles que termina e no próximo volume encontraremos um outro tipo de história, diferente disso, o final é bem convidativo para a continuação. Várias perguntas ficam na mente do leitor e por isso o autor conseguiu meu respeito. 

    Para aqueles que têm medo de zumbis, não se preocupem, não há nada de muito assustador, mas tenha estômago forte para ler. Resumindo tudo: Apocalipse Z: O Princípio do Fim é um livro que se tornou meu favorito e é super recomendado. O autor escreveu uma trilogia de tirar o fôlego, nada clichê e surpreendente. Uma ótima dica para leitura.
  

Um comentário:

Lucas Carvalho disse...

Adorei, sua resenha me fez perder o fôlego. Adoro livros nesse estilo, e você vai me emprestar hein?

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team