14/06/2012

Dominação Distópica

Entre vampiros, lobisomens, bruxos e outras criaturas que tem feito a cabeça dos adolescentes, surge um novo gênero literário que  já tem feito vários leitores ficarem apreensivos e surpresos. Estamos falando sobre o gênero "distopia".

Mas o que é distopia? Distopia nada mais é que o contrário de utopia, ou seja, uma distorção do conceito que se espera da mesma: uma sociedade perfeita que parece até um sonho. O "oposto" da sociedade perfeita está principalmente em livros que o governo exige, impõe ou proíbe a população em relação a algo.

Essa tem sido a nova "moda" entre os leitores e adolescentes, pois apresenta um conteúdo diferente de tudo que já existia. Criaturas sobrenaturais e seus romances são até interessante, mas parece que o suspense, o mistério e a tensão que os livros distópicos têm apresentado acabam prendendo muito mais aqueles que estão lendo.

A distopia ficou popular atualmente, mas George Orwell já conhecia esse gênero, e foi um dos primeiros a escrever sobre ele. O livro 1984 é uma boa demonstração de uma sociedade em que o governo oprime tudo aquilo que a população faz.

1984 até hoje é usado como referência, principalmente nas escolas, onde o assunto é muitas vezes discutido. A ideia de Orwell é a fonte principal daquilo que os autores têm proposto para seus leitores em relação a distopia.

A popularidade do assunto veio com o lançamento de Jogos Vorazes, livro de Suzanne Collins, onde 12 distritos são regidos com mãos de ferro pela capital. O motivo do sucesso da trilogia é principalmente por não só tratar de um assunto que gera bastante tensão no leitor, mas sim algo diferente daquilo que ele está acostumado. Também é apresentado  uma mensagem impactante sobre heroismo e determinação, bem apresentados pela personagem Katniss.

A distopia além de proporcionar grandes emoções ao leitor adolescente ajuda no fundamento do caráter. A trilogia de Collins tem feito com que debates sobre o assunto "governo" seja cada vez mais comum, fazendo com que a diversão traga de alguma forma uma lição importante.

Logo depois do sucesso de Jogos Vorazes, as sociedades reprimidas pelo governo acabaram se tornando cada vez mais comum. Hoje em dia o assunto é uma das prioridades das editoras e dos autores. A palavra "distopia" é símbolo de boas vendas e de muito sucesso. 

Livros como Delírio e Destino entram para a lista dos favoritos também e isso é só o começo,  vários livros estão aparecendo com o assunto e as indústrias cinematográficas apostam bravamente no estilo. O assunto deverá ser um dos preferidos por muito tempo, só esperamos que não tenhamos que passar por isto.

2 comentários:

Lucas Carvalho disse...

Sem dúvida esse gênero dominou geral.
Hoje em dia se vê vários livros distópicos, e a tendência é aumentar, uma vez que "Jogos Vorazes" trouxe o gênero ao topo novamente.

Carlos Rodrigo disse...

O gênero parece mesmo contágiante, mas sabe que não me considero um fã dele...

http://mondarikc.blogspot.com.br/

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team