09/12/2014

[Resenha] Assassinato no Expresso do Oriente - Agatha Christie

Assassinato no Expresso do Oriente
Agatha Christie
Tradução por Archibaldo Figueira
Editora Nova Fronteira
200 páginas

Agatha Christie é a Rainha do Crime e seu personagem mais famoso, Hercule Poirot, não fica muito atrás de Sherlock Holmes. A fama da autora sempre me despertou uma vontade de ler alguma obra da mesma e poder entender o porquê de tanto sucesso. 

Eis que a Editora Nova Fronteira relançou vários títulos de Christie com novas (e belíssimas) capas em formato hardcover. O preço dos volumes não eram tão caros e isso me levou a comprar pelo menos um para conhecer a escrita da autora. Optei por Assassinato no Expresso do Oriente, pois é um dos mais comentados de Agatha.

A história narra mais um caso de Hercule Poirot, que precisa pegar um trem as pressas para Londres e acaba se deparando com um crime: um passageiro com muitos inimigos foi assassinado. Sem ter muitas opções, já que a viagem seria demorada por conta de uma nevasca, Poirot resolve investigar o caso e começa uma busca por pistas e entrevistas que o levarão à uma revelação surpreendente para o caso.

A narrativa de Agatha é extremamente ágil e simples. É possível ler as 200 páginas em uma sentada e sem ver o tempo. A autora não faz muitas descrições ou explica fatos alheios, ela é bem direta e do começo ao fim já apresenta as pistas, evidências e os depoimentos. Com Agatha, não há perda de tempo. Isso faz com que os capítulos sejam curtos, porém interessantes e repleto de informações que vão se ligando e nos deixando cada vez mais curiosos para descobrir o desfecho.

Hercule Poirot me agradou de início. Talvez seja por seu gênio forte que lembra Holmes. Mas entre comparações entre os dois detetives devo dizer que Poirot é muito mais simpático e agradável que seu concorrente. 

Confesso que me decepcionei um pouco com o final. Esperava algo mais surpreendente e inesperado, mas o desfecho foi exatamente o que eu tinha desconfiado. Entretanto, a leitura valeu a pena. Agatha me encantou com sua escrita simples, mas empolgante, daquelas que realmente prende o leitor e não solta até que ele descubra o final. Sem dúvida quero ler mais da autora. A propósito, corram para garantir essa nova edição que está lindíssima. 

Nenhum comentário:

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team